Boletim Corona Virus GovBR

DÓLAR cai mais uma vez e atinge quase 2% de redução em uma semana

Dólar fecha em R$ 4,66, menor valor em mais de 2 anos; Ibovespa sobe a 121 mil pontos Moeda norte-amer...

Dólar fecha em R$ 4,66, menor valor em mais de 2 anos; Ibovespa sobe a 121 mil pontos
Moeda norte-americana recuou 1,69% nesta semana, enquanto principal índice da bolsa de valores subiu 2,1%

O dólar caiu 2,02%, cotado a R$ 4,666 nesta sexta-feira (1º), com um recuo semanal de 1,69%, o quinto consecutivo, e atingindo o menor valor desde 5 de março de 2020. Já o Ibovespa subiu 1,31%, fechando em 121.570 pontos, maior valor desde 1º de agosto de 2021. Na semana, o avanço, terceiro seguido, foi de 2,1%.


Durante a sessão, o mercado repercutiu o relatório Payroll de emprego não-agrícola dos Estados Unidos. A geração de vagas veio abaixo do esperado, mas a taxa de desemprego ficou no menor nível em dois anos e os salários seguem subindo.

Os dados fortaleceram apostas em uma alta de 0,5 ponto percentual nos juros pelo Federal Reserve em maio, mas também reduziram temores de uma possível recessão no país. A elevação nessa magnitude já é esperada pelo mercado, afetando pouco os fluxos atuais de investimento.

Com isso, o real manteve um fluxo de investimentos baseado nos juros altos do Brasil, ativos descontados na bolsa de valores e busca por mercados ligados a commodities, cujos preços dispararam com a pandemia e a guerra na Ucrânia.

Ao mesmo tempo, a bolsa foi puxada para cima por ações ligadas a commodities e ao consumo interno, que são beneficiadas pela redução nas curvas de juros futuros (DIs) conforme o mercado converge para a projeção do Banco Central de taxa Selic de 12,75% em 2022, e não 13%.

A nova rodada de negociações entre Ucrânia e Rússia, com o governo russo afirmando que viu avanço nas conversas, reduziu a aversão a riscos dos investidores, beneficiando o real e o Ibovespa.

No Brasil, os investidores monitoraram o início da greve de servidores do Banco Central e o possível impacto do movimento, em especial a possibilidade de um reajuste de 5% para os servidores públicos, o que representaria mais gastos pelo governo e eleva temores de um descontrole fiscal, um cenário que favoreceria o dólar.

Na quinta-feira (31), o dólar caiu 0,47%, encerrando a R$ 4,762, no menor valor desde 12 de março de 2020. No trimestre, a queda foi de 14,55%, a maior desde 2009. Já o Ibovespa recuou 0,22%, aos 119.999,23 pontos, enquanto que, no trimestre, a alta foi de 14,5%, a maior desde 2020.

Petróleo

Desde a invasão da Ucrânia pela Rússia no dia 24 de fevereiro, os mercados de petróleo mostram a maior volatilidade em dois anos, com os preços da commodity chegando a bater níveis vistos pela última vez em 2008.

A commodity tem oscilado na faixa dos US$ 100 e US$ 110 nos últimos dias. Por um lado, o mercado espera uma demanda menor devido a novos lockdowns na China e à perspectiva de um ciclo de alta de juros maior nos Estados Unidos, o que desaceleraria a economia do país.

Ao mesmo tempo, qualquer novidade sobre a guerra influencia os preços, alimentando ou reduzindo temores de problemas na oferta e afetando a cotação.

Porém, se comparado com anos anteriores, o petróleo segue em valores elevados e subiu mais de 30% no primeiro trimestre, devido ao descompasso entre oferta e demanda da commodity, com os principais produtores, reunidos na Opep+, ainda não retomando os níveis de produção pré-pandemia. O quadro foi intensificado com as tensões na Europa.

Commodities

A disparada nas commodities com o conflito no Leste Europeu favorece o mercado brasileiro, e seus efeitos têm ajudado a superar a aversão a riscos com a guerra na Ucrânia, o que beneficia o real até o momento.

O ciclo está ligado, em parte, à alta nos preços do petróleo e do minério de ferro devido à elevada demanda em meio à retomada econômica. O processo de alta de juros nos Estados Unidos também alimenta essa migração, com a saída da renda variável norte-americana.

Outro fator por trás desse movimento são as expectativas de mais medidas pró-crescimento na China que estão aumentando as esperanças de uma recuperação na demanda por metais, o que levou a altas nos preços, reforçadas com a crise na Ucrânia.

Porém, intervenções do governo chinês no mercado e um novo surto de Covid-19 no país com lockdowns ainda geram pressões de queda, em um sobe e desce na cotação, que continua em níveis elevados.

Guerra na Ucrânia

Com a guerra na Ucrânia completando um mês, as forças ucranianas têm tentado recuperar território dos russos nos últimos dias, de acordo com um alto funcionário da defesa dos Estados Unidos — que os descreveu como "capazes e dispostos" a fazê-lo.

Rússia e Ucrânia realizaram uma nova rodada de negociações nesta sexta-feira. O presidente ucraniano sinalizou que o país aceitaria um status de neutralidade, uma exigência russa, mas sem concessões territoriais, e a Rússia falou em avanços nas conversas.

Apesar de a Rússia ter prometido reduzir os ataques na Ucrânia, bombardeios voltaram a ser registrados em Chernihiv, no norte, segundo afirmou o prefeito local Vladyslav Atroshenko.

Do ponto de vista econômico, as sanções de maior impacto econômico para a Rússia estão ligadas à expulsão de bancos russos do Swift, um meio global de processamento de pagamentos.

*Com informações da Reuter
Foto/Edição: Arquivo Tribuna do Brasil

FONTECNN BRASIL EDIÇÃO: REDAÇÃO GRUPO M4

COMENTÁRIOS

Atualidade Politica
Nome

abnt,25,acessibilidade,1,acidente de trabalho,3,Acolhimento,1,administração,12,Aerolula,1,agricultura,3,agronegócio,13,água,16,águas claras,1,Aldo Rebelo,1,alianças,1,Ambulatório,1,Amor Cantado,1,aneel,5,animais,7,antissocial,3,ar condicionado,15,Arlete Sampaio,1,arquitetura,9,Arruda,1,arte,3,artigo,40,ASSOCIE-SE,14,assosindicos,148,atacarejo,1,ateu,2,ativismo,9,ATUALIDADE POLÍTICA,733,automobilsmo,2,aviação,1,Banco Regional de Brasília,4,beleza,1,Bolsa Família,1,Brasil,17,brasilia,1,Brasília,6,BRB,11,caesb,8,câmeras,2,CAMPANHA DO AGASALHO,1,campanha eleitoral,15,câncer,5,candidatura,4,Carnaval,6,carreira,11,carteira,2,cartilha,2,Casa Civil,1,cassação,1,católica,1,CEB,6,celular,1,censura,2,Centro Administrativo,1,charge,2,cidadania,57,CIDADE,59,Cidades,9,ciência,1,cinema,8,CLDF,34,codhab,2,Código de Edificações,4,código de posturas,1,Collor,1,combate à dengue,2,combate ao câncer de próstata,1,comemoração,4,Companhia Energética de Brasília,6,comportamento,13,comunidade,1,comunismo,3,conciliacao,4,concurso,1,condomínio,64,conic,1,conselho profissional,8,construção civil,16,construtoras,3,consulta pública,7,consumidor,16,consumo,6,conta,5,contribuição sindical,4,contrução civil,3,convênio,1,CONVITE,34,copa2014,1,corpus Christi,1,Correio Braziliense,1,corrida eleitoral,32,corrupção,35,crise,14,crise hídrica,6,Cuidar e Amparar,1,cultura,25,curso superior,3,cursos,15,custo de construção,1,custos,1,data comemorativa,13,debate,3,Defesa,5,democracia,1,dengue,2,Deputado Distrital,9,Deputado Federal,7,DER-DF,3,Desenvolvimento Pessoal,1,despesas,1,Detran,19,DFTrans,5,dia do síndico,5,dia mundial da água,2,Diálogos com a Juventude,1,DIGA NÃO AO AUMENTO DE IMPOSTOS,30,Dilma,3,dinheiro,10,diploma,1,direita,2,direito,29,Distrito Federal,29,ditadura militar,4,dívidas,9,Dona Sarah Kubitschek,1,drogas,2,economia,107,economistas,1,EDITAL DE CONVOCAÇÃO,1,Eduardo Campos,1,educação,63,eleições,91,eleitor,10,eletricidade,10,elevadores,4,empreendedorismo,24,empregado,10,emprego,6,empresas,14,energia,50,engenharia,72,EnSínAC,14,ENTENDER CONDOMÍNIO,2,entorno,7,entretenimento,9,Escola de Síndicos,33,espionagem,1,esporte,21,estatuto,2,evasão de divisas,1,evento,30,Fan Fest,1,feminismo,1,Fernando Henrique Cardoso,1,FHC,2,FIFA,1,fim de ano,2,finanças,10,finanças pessoais,22,fogo,1,fort atacadista,2,futebol,7,gás,2,gastronomia,13,GDF,127,Geriatria,1,Gerontologia,1,gestão condominial,5,Goiás,45,golpe,11,golpismo,6,Governador,29,Governo,64,guerra,7,habitação,10,HEF,2,HEL,1,HESLMB,1,Hetrin,1,HSBC,1,humor,2,IBRAM,2,IESB,1,igreja,2,IMED,2,imóveis,27,impeachment,3,impostos,34,inadimplência,4,incêndio,5,indústria,3,inelegibilidade,3,INFORMAÇÃO,21,informática,1,ingressos,1,inovação,23,INSCRIÇÃO AQUI,1,inspeção,1,inspeção predial,5,internacional,1,internet,30,itormann,1,Joaquim Barbosa,1,Jornalismo,44,Juarezão,1,justica,7,justiça,56,juventude,4,lazer,10,Letícia González,1,LGPD,4,livro,3,Lúcia Amorim de Brito,1,Lula,3,machismo,1,Manuela D'Ávila,1,manutenção,9,Marconi Perillo,1,marketing,2,MCB,105,MCIT,2,medicina,3,meio-ambiente,7,mensalão do DEM,1,mercado,13,mesa do Natal,1,meteorologia,1,microgeração,4,mídia,9,militar,4,ministério,5,Ministério Publico,4,Miriam Belchior,1,mobilidade urbana,21,moda,1,Monitoramento,1,mulher na poílica,3,Mulheres,21,Mulheres na Política,3,multa,4,mundo,21,município,7,Natal,2,Natal do Milhão,1,Negocios,1,Neoenergia,3,neurociência,2,neuromarketing,2,normas,9,NOTICIAS,338,notificação,1,Novembro Azul,1,nutrição,1,obras,50,ocupe o centro,1,opinião,1,orçamento,1,ORDEM DE SERVIÇO,1,Pacto por Brasília,1,pandemia,77,Parque da Cidade,3,Partidos Políticos,40,Paulo Dubois,2,Paulo Octávio,1,PCdoB,2,PDSK,3,Perpétua Almeida,1,perseguidos políticos,1,pesquisa,8,petróleo,3,PL,19,playground,2,pmdb,1,polícia,7,Política,117,Porto Alegre,2,postos de saúde,12,prefeito,5,prefeitura,7,presidência da república,7,presidenta,1,presidente,18,profissional,14,Projeto de Lei,53,pronunciamento,2,propaganda política,4,propina,1,PSD,1,PSDB,6,pt,1,qualificação,22,reforma,6,reforma política,10,reformas,6,registro,3,regras de convivência,13,relacionamento,4,religião,7,revitalização,1,Ricardo Izar,1,Ricardo Lustosa,1,Roberto Santiago,1,rodovias,1,Rousseff,2,Sandra Faraj,1,Sarah Kubitscheck,1,saúde,189,sedhab,2,segeth,1,segurança,51,seguro,5,selo de qualidade,2,senado federal,17,serviços técnicos,5,setor elétrico,2,sia / guará,14,sindicatos,1,síndico,118,smartphone,3,solar,2,SOLIDARIEDADE,8,sonegação,2,sorteio de casas,1,STF,9,subsíndico,1,Supermercados,1,Supremo,2,sustentabilidade,23,tarifas,13,taxa,6,técnico,8,tecnologia,56,telecomunicação,4,tendência política,76,Terceira Idade,1,trabalhador,37,transito,1,trânsito,19,transporte coletivo,20,transportes,9,Trocando ideias entre Síndicos,2,TSE,30,turismo,10,UDN,1,utilidade pública,6,Utilidades de casa,1,Vida de Solteiro,1,video,11,vistoria,1,votação,3,WhatsApp,4,zelador,1,
ltr
item
Atualidade Política: DÓLAR cai mais uma vez e atinge quase 2% de redução em uma semana
DÓLAR cai mais uma vez e atinge quase 2% de redução em uma semana
https://blogger.googleusercontent.com/img/b/R29vZ2xl/AVvXsEh8Sf_CNXfn_VrWjp7md5OmH02bVAFF_bkC_Wu5Na_Ufq0EBCPyF7EckYv_9EUi0v5FrGy9owi8p2UMYvDzcCqqX61M8aE5FLAn7qM2PrqJJ7k1yQDOfRS_W-8Mi0PlpRM3AV1vcm07VXwl5cGdfEf9jcukkwQX67-W4mkY1nzHS3e4wnabw4xvNLk3UQ/s16000/vga-24-queda-do-dolar.jpg
https://blogger.googleusercontent.com/img/b/R29vZ2xl/AVvXsEh8Sf_CNXfn_VrWjp7md5OmH02bVAFF_bkC_Wu5Na_Ufq0EBCPyF7EckYv_9EUi0v5FrGy9owi8p2UMYvDzcCqqX61M8aE5FLAn7qM2PrqJJ7k1yQDOfRS_W-8Mi0PlpRM3AV1vcm07VXwl5cGdfEf9jcukkwQX67-W4mkY1nzHS3e4wnabw4xvNLk3UQ/s72-c/vga-24-queda-do-dolar.jpg
Atualidade Política
http://www.atualidadepolitica.com.br/2022/04/dolar-cai-mais-uma-vez-e-atinge-quase-2.html
http://www.atualidadepolitica.com.br/
http://www.atualidadepolitica.com.br/
http://www.atualidadepolitica.com.br/2022/04/dolar-cai-mais-uma-vez-e-atinge-quase-2.html
true
440335298870425399
UTF-8
Carregar todos Post não encontrado Ver todos Ler mais Responder Cancelar resposta Deletar Por Início PÁGS POSTS Ver tudo Relacionadas Tópico Arquivo BUSCAR Todos Nenhuma resposta para a busca Início Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Out Nov Dez agora 1 minuto há $$1$$ minutos 1 hora há $$1$$ horas Ontem há $$1$$ dias há $$1$$ semanas há mais de 5 semanas Seguidores Seguir CONTEÚDO EXLUSIVO - COMPARTILHE PARA ACESSAR 1º Compartilhe em suas redes sociais para liberar 2º Clique no link compartilhado em sua rede social Copiar tudo Selecionar tudo Todos códigos copiados Códigos/textos não copiados, pressione [CTRL]+[C] (ou CMD+C no Mac) para copiar Sumário