Boletim Corona Virus GovBR

Bolsonaro já dá sinais de recuo na PEC dos Combustíveis

O presidente Jair Bolsonaro (PL) começou a dar sinais de recuo sobre a intenção de zerar impostos federais para combustíveis. Nesse domingo ...

O presidente Jair Bolsonaro (PL) começou a dar sinais de recuo sobre a intenção de zerar impostos federais para combustíveis. Nesse domingo (23/1), falando para apoiadores, afirmou que se a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) dos Combustíveis for aprovada, o governo vai zerar os impostos federais sobre o diesel. Excluiu, assim, a gasolina, que vem registrando sucessivas altas, influenciadas pela cotação do barril do petróleo e a taxa de câmbio.

– Os preços do petróleo caíram pelo segundo dia consecutivo na sexta (21/1), pressionados por um aumento inesperado nos estoques de petróleo e combustível dos EUA. Ainda assim, subiram pela quinta semana consecutiva, ganhando cerca de 2%. Somente em 2022, os preços já subiram mais de 10%.

— Na sexta, o Brent caiu 0,49 dólar, ou 0,6%, para fechar a sessão em 87,89 dólares o barril, enquanto o WTI recuou 0,41 dólar, ou 0,5%, para fechar em 85,14 dólares. Reuters

— “A PEC é autorizativa. Agora para vocês: se a PEC passar, no segundo seguinte à promulgação, eu zero o imposto federal do diesel no Brasil”, comentou o presidente em vídeo que circula pelas redes sociais. Ignora, portanto, a gasolina.

Cálculos da XP Investimentos apontam que, se aprovada, a PEC tem potencial de tirar R$ 65 bilhões dos cofres do Tesouro Nacional. Se todos os estados encampassem a desoneração, a perda de receitas subiria a R$ 240 bilhões.

— O relatório da XP projeta déficit de R$ 105 bilhões em 2022, que subiria caso a desoneração seja aprovada. Por outro lado, a inflação cairia 4,2 pontos, de 5,2% para 1%.

— Segundo o economista-chefe da XP, Caio Megale, a receita sacrificada pela PEC pode acabar financiando grandes consumidores de energia e acionistas da Petrobras. O retorno para o consumidor deve ser pequeno, segundo integrantes da própria equipe econômica: redução de R$ 0,18 a R$ 0,20 no preço da gasolina na bomba – se ela fosse incluída no projeto.

— A PEC anunciada por Bolsonaro não é nova: já foi proposta anteriormente por Henrique Meirelles e também por seu sucessor no Ministério da Fazenda, Eduardo Guardia, que ocupou o cargo no fim de 2018, no governo de Michel Temer.

— A estratégia de Bolsonaro previa incluir o ICMS, enterrando de vez o projeto de lei do próprio governo que pretendia unificar as alíquotas do ICMS, mas estacionou no Senado. No governo Temer, chegaram a ser feitas consultas aos estados, que não avançaram.

— A inclusão do ICMS já provocou reação dos governadores. “Estamos abertos ao diálogo e queremos ajudar na solução, mas não podemos apoiar decisões demagógicas ou de pura birra com os governadores e prefeitos, que vão prejudicar o equilíbrio fiscal dos nossos estados e municípios”, afirmou à CNN, nesse domingo (23/1), o governador do Piauí, Wellington Dias (PT).

— Enquanto isso, a Acelen anunciou reajuste no preço do óleo diesel e da gasolina comercializados para as distribuidoras na Refinaria de Mataripe, na Bahia, a partir do último sábado (22/1). O preço do litro do óleo diesel S10 foi reajustado em R$ 0,052, e o da gasolina-A, em R$ 0,074 por litro.

— A empresa foi criada pelo fundo Mubadala para assumir a operação da antiga Refinaria Landulpho Alves (RLAM), comprada da Petrobras. O reajuste atual segue o aumento anunciado pela estatal há dez dias em suas refinarias.

— E o pré-candidato à presidência pelo PDT, Ciro Gomes, reforçou sua promessa de mudar políticas de preços da Petrobras. Ele avaliou como ‘criminosa’ a atual precificação dos combustíveis feita pela empresa. A sua proposta não foi detalhada.

— A disposição de Ciro Gomes em intervir na Petrobras já tinha sido explorada pelo pré-candidato. Em diferentes momentos, já defendeu que, a partir do processamento nacional do óleo, é possível considerar custos e margens locais para a definição de preços, o que retiraria de uma parcela dos combustíveis comercializados o impacto do dólar.

PetroRio e IBV em disputa na Justiça por Wahoo Decisão do desembargador Luciano Saboia Rinaldi de Carvalho, da 7ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJ-RJ), paralisou, a pedido da IBV, o processo administrativo para a declaração de comercialidade do Wahoo, sociedade entre a PetroRio (64,3%) e a IBV (35,7%) na Bacia de Campos. A PetroRio deu entrada na ANP com o pedido de declaração de comercialidade da descoberta de Wahoo e o plano de desenvolvimento da área em 22 de dezembro.

— A IBV ainda recebeu prazo de 20 dias para que comunique à Petro Rio sua intenção de participar do desenvolvimento de Wahoo em regime de operação conjunta.

— A Petro Rio informou que irá recorrer da decisão. “De acordo com o JOA, o mérito de eventual disputa deve ser dirimido em uma arbitragem sujeita a lei estrangeira, que até o momento não foi instaurada.”

— A PetroRio adquiriu Wahoo da britânica bp em novembro de 2020. Estima que a área tem potencial para produzir mais de 140 milhões de barris.

Prumo passa a deter 100% da Açu Petróleo A Prumo Logística, controlada pelo EIG Global Energy Partners e responsável pelo desenvolvimento do Porto do Açu, adquiriu os 20% de participação detidos pela alemã Oiltanking e passará a controlar 100% da Açu Petróleo.

— Criada em 2016, a Açu Petróleo é a proprietária do único terminal privado no Brasil para transbordo de petróleo em águas abrigadas com capacidade para operar navios da classe VLCC. A Oiltanking vai continuar atuando como provedor estratégico de serviços de operação e manutenção de longo prazo do terminal.

— Como parte da transação, a Açu Petróleo captou títulos de dívida no exterior no valor de US$ 600 milhões. Os recursos obtidos com a emissão do bond serão utilizados para quitação da linha de financiamento existente, distribuição entre os acionistas e outros usos.

— Em apenas cinco anos desde o início de suas operações, o terminal já se tornou responsável pela movimentação de cerca de 30% das exportações brasileiras de petróleo.

Produção de óleo e gás estável em 2021 A produção média de petróleo no Brasil em 2021 foi de 2,905 milhões de barris por dia (barris/dia), queda de 1,2% em relação a 2020, segundo dados preliminares da ANP. Já a produção média de gás natural no ano foi de 133,74 milhões de m3/dia, aumento de 4,98% na comparação anual.

–Com isso, a produção total brasileira de petróleo e gás em 2021 foi de 3,74 milhões de barris de óleo equivalentes por dia (boe/dia), estável em relação ao ano anterior. Valor

Covid aumenta na Petrobras Já passam de mil os empregados da Petrobras contaminados pelo covid-19, informou o gerente-executivo de Segurança, Meio Ambiente e Saúde (SMS) da Petrobras, Joelson Falcão, em reunião na sexta (21/1) com representantes da Federação Única dos Petroleiros (FUP) e sindicatos filiados. Foram quase 300 casos nos últimos oito dias, informou a FUP.

— A FUP e o Sindicato dos Petroleiros do Norte Fluminense (Sindipetro-NF) continuam recebendo denúncias de surtos de covid-19 nas plataformas da Petrobras. Em apenas uma semana, até sexta, 21, foram contabilizadas denúncias de 236 contaminados em 18 embarcações operadas pela Petrobras nas bacias de Campos (RJ) e Santos (SP).

— Há ainda registros de 76 trabalhadores sob suspeita porque tiveram contato com os contaminados, sendo 46 deles na P-35 e o restante na P-74. Há ainda informações de resultado positivo para covid em 29 pilotos dos helicópteros que fazem o transporte dos trabalhadores das embarcações para o continente. Estadão

Vazamento de petróleo no Peru O governo do Peru declarou nesse sábado (22/1) emergência ambiental durante 90 dias úteis na área costeira atingida pelo vazamento de 6 mil barris de petróleo há uma semana, consequência de um tsunami causado por uma erupção vulcânica em Tonga, no oceano Pacífico. O incidente deixou pássaros mortos flutuando no mar ou cobertos de óleo nas rochas, e os pescadores estão impossibilitados de trabalhar.

— O vazamento ocorreu enquanto um petroleiro descarregava na refinaria La Pampilla, em Ventanilla, 30 quilômetros ao norte da capital, Lima. A embarcação é da petroleira espanhola Repsol, e o vazamento teria ocorrido devido à violência das ondas que atingiram a costa peruana. Folha de S. Paulo

Brasil atinge 21 GW de capacidade eólica instalada O Brasil atingiu a marca de 21 GW de potência instalada da fonte eólica. São mais de 9 mil aerogeradores em operação em 777 parques eólicos distribuídos em 12 estados do Brasil. Segundo a Associação Brasileira de Energia Eólica (Abeeólica), há mais de 532 MW que já estão em testes e devem entrar em operação comercial nas próximas semanas.

— A previsão da Abeeólica é o Brasil chegar a mais de 33 GW de capacidade eólica instalada em 2026. Valor

Janeiro com mais água nos reservatórios e carga menor, aponta o ONS Divulgado na sexta (21/1), o Programa Mensal de Operação (PMO), do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), apresenta afluências acima da média para os subsistemas Sudeste/Centro-Oeste, Norte e Nordeste até o fim do mês. A projeção para a região Norte é receber mais do que o dobro da Média de Longo Termo (MLT), com 214% de Energia Natural Afluente (ENA). O Nordeste vem na sequência, com 148% da MLT, e o Sudeste/Centro-Oeste, com 104%.

— Com as chuvas, os índices de armazenamento de água dos reservatórios da região Norte alcançarão 90,8% da capacidade no dia 31 de janeiro. O subsistema Nordeste seguirá em 75,8% de retenção. Já os prospectivos foram reduzidos para 40,6% no Sudeste/Centro-Oeste. Um declínio também é observado na região Sul, com 34,5%.

— Já a carga de energia no Sistema Interligado Nacional (SIN) deverá ter recuo de 0,7% na comparação com janeiro do ano passado, com 71.887 MW médios. Os subsistemas Norte e Sul devem crescer 4,3%, com 5.833 MW médios, e 7,1%, com 13.808 MW médios, respectivamente. Já Sudeste/Centro-Oeste reduzirá em 2,4%, com 41.076 MW médios. Também o Nordeste apresentará queda de 5,0%, com o total de 11.170 MW médios.

O mercado livre de energia fechou 2021 com um recorde de 5.563 novos pontos de consumo, chegando a 26,6 mil unidades ativas, segundo a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE). A informação é da coluna Painel, da Folha de S. Paulo.

— Segundo a CCEE, o maior volume de migração nos últimos anos se concentrou nos estados de São Paulo, Rio Grande do Sul, Minas, Rio de Janeiro e Paraná, por causa da concentração de indústrias.

Campanha da EDP quer atrair mais mulheres para carreiras técnicas A EDP lançou o #REBELSFORCHANGE, campanha global que pretende sensibilizar e promover a participação de mais mulheres em carreiras de Ciência, Tecnologia, Engenharia e Matemática (STEM, no acrônimo inglês). A iniciativa será desenvolvida em todo o grupo e está alinhada com a ambição da empresa de aumentar a representação feminina para 30% até 2025.

— No Brasil, a EDP é uma das cinco empresas listadas na B3 com mais mulheres em seu Conselho de Administração, com 33% de participação, o triplo da média nacional. A empresa também assumiu a meta de, ainda neste ano, garantir ao menos 20% de mulheres em posições de liderança na companhia.

Ouça mais sobre a PEC dos combustíveis:


Com informações de epbr

COMENTÁRIOS

Atualidade Politica
Nome

abnt,25,acessibilidade,1,acidente de trabalho,3,Acolhimento,1,administração,12,Aerolula,1,agricultura,3,agronegócio,13,água,16,águas claras,1,Aldo Rebelo,1,alianças,1,Ambulatório,1,Amor Cantado,1,aneel,5,animais,7,antissocial,3,ar condicionado,15,Arlete Sampaio,1,arquitetura,9,Arruda,1,arte,3,artigo,40,ASSOCIE-SE,14,assosindicos,148,atacarejo,1,ateu,2,ativismo,9,ATUALIDADE POLÍTICA,733,automobilsmo,2,aviação,1,Banco Regional de Brasília,4,beleza,1,Bolsa Família,1,Brasil,17,brasilia,1,Brasília,6,BRB,11,caesb,8,câmeras,2,CAMPANHA DO AGASALHO,1,campanha eleitoral,15,câncer,5,candidatura,4,Carnaval,6,carreira,11,carteira,2,cartilha,2,Casa Civil,1,cassação,1,católica,1,CEB,6,celular,1,censura,2,Centro Administrativo,1,charge,2,cidadania,58,CIDADE,59,Cidades,9,ciência,1,cinema,8,CLDF,34,codhab,2,Código de Edificações,4,código de posturas,1,Collor,1,combate à dengue,2,combate ao câncer de próstata,1,comemoração,4,Companhia Energética de Brasília,6,comportamento,13,comunidade,1,comunismo,3,conciliacao,4,concurso,1,condomínio,64,conic,1,conselho profissional,8,construção civil,17,construtoras,3,consulta pública,7,consumidor,16,consumo,6,conta,5,contribuição sindical,4,contrução civil,3,convênio,1,CONVITE,34,copa2014,1,corpus Christi,1,Correio Braziliense,1,corrida eleitoral,33,corrupção,36,crise,14,crise hídrica,6,Cuidar e Amparar,1,cultura,26,curso superior,3,cursos,15,custo de construção,1,custos,1,data comemorativa,13,debate,3,Defesa,5,democracia,1,dengue,2,Deputado Distrital,9,Deputado Federal,7,DER-DF,3,Desenvolvimento Pessoal,1,despesas,1,Detran,19,DFTrans,5,dia do síndico,5,dia mundial da água,2,Diálogos com a Juventude,1,DIGA NÃO AO AUMENTO DE IMPOSTOS,30,Dilma,3,dinheiro,10,diploma,1,direita,2,direito,30,Distrito Federal,29,ditadura militar,4,dívidas,9,Dona Sarah Kubitschek,1,drogas,2,economia,107,economistas,1,EDITAL DE CONVOCAÇÃO,1,Eduardo Campos,1,educação,63,eleições,111,eleitor,10,eletricidade,10,elevadores,4,empreendedorismo,28,empregado,10,emprego,6,empresas,16,energia,50,engenharia,72,EnSínAC,14,ENTENDER CONDOMÍNIO,2,entorno,7,entretenimento,9,Escola de Síndicos,33,espionagem,1,esporte,22,estatuto,2,evasão de divisas,1,evento,34,Fan Fest,1,feminismo,1,Fernando Henrique Cardoso,1,FHC,2,FIFA,1,fim de ano,2,finanças,10,finanças pessoais,22,fogo,1,fort atacadista,2,futebol,7,gás,2,gastronomia,14,GDF,127,Geriatria,1,Gerontologia,1,gestão condominial,5,Goiás,46,golpe,11,golpismo,6,Governador,30,Governo,64,guerra,7,habitação,10,HEF,2,HEL,1,HESLMB,1,Hetrin,1,HSBC,1,humor,2,IBRAM,2,IESB,1,igreja,2,IMED,2,imóveis,28,impeachment,3,impostos,34,inadimplência,4,incêndio,5,indústria,3,inelegibilidade,3,INFORMAÇÃO,21,informática,1,ingressos,1,inovação,23,INSCRIÇÃO AQUI,1,inspeção,1,inspeção predial,5,internacional,1,internet,30,itormann,1,Joaquim Barbosa,1,Jornalismo,45,Juarezão,1,justica,7,justiça,56,juventude,4,lazer,10,Letícia González,1,LGPD,4,livro,3,Lúcia Amorim de Brito,1,Lula,3,machismo,1,Manuela D'Ávila,1,manutenção,9,Marconi Perillo,1,marketing,2,MCB,105,MCIT,2,medicina,3,meio-ambiente,7,mensalão do DEM,1,mercado,13,mesa do Natal,1,meteorologia,1,microgeração,4,mídia,9,militar,4,ministério,5,Ministério Publico,4,Miriam Belchior,1,mobilidade urbana,21,moda,1,Monitoramento,1,mulher na poílica,3,Mulheres,21,Mulheres na Política,3,multa,4,mundo,21,município,7,Natal,2,Natal do Milhão,1,Negocios,1,Neoenergia,3,neurociência,2,neuromarketing,2,normas,9,NOTICIAS,338,notificação,1,Novembro Azul,1,nutrição,1,obras,50,ocupe o centro,1,opinião,1,orçamento,1,ORDEM DE SERVIÇO,1,Pacto por Brasília,1,pandemia,78,Parque da Cidade,3,Partidos Políticos,40,Paulo Dubois,2,Paulo Octávio,1,PCdoB,2,PDSK,3,Perpétua Almeida,1,perseguidos políticos,1,pesquisa,8,petróleo,3,PL,19,playground,2,pmdb,1,polícia,7,Política,135,Porto Alegre,2,postos de saúde,12,prefeito,5,prefeitura,7,presidência da república,7,presidenta,1,presidente,18,profissional,14,Projeto de Lei,53,pronunciamento,2,propaganda política,4,propina,1,PSD,1,PSDB,6,pt,1,qualificação,22,reforma,6,reforma política,10,reformas,6,registro,3,regras de convivência,13,relacionamento,4,religião,7,revitalização,1,Ricardo Izar,1,Ricardo Lustosa,1,Roberto Santiago,1,rodovias,1,Rousseff,2,Sandra Faraj,1,Sarah Kubitscheck,1,saúde,192,sedhab,2,segeth,1,segurança,52,seguro,5,selo de qualidade,2,senado federal,17,serviços técnicos,5,setor elétrico,2,sia / guará,14,sindicatos,2,síndico,118,smartphone,3,solar,2,SOLIDARIEDADE,8,sonegação,2,sorteio de casas,1,STF,9,subsíndico,1,Supermercados,1,Supremo,2,sustentabilidade,23,tarifas,13,taxa,6,técnico,8,tecnologia,57,telecomunicação,4,tendência política,76,Terceira Idade,1,trabalhador,38,transito,1,trânsito,19,transporte coletivo,20,transportes,9,Trocando ideias entre Síndicos,2,TSE,30,turismo,10,UDN,1,utilidade pública,6,Utilidades de casa,1,Vida de Solteiro,1,video,11,vistoria,1,votação,3,WhatsApp,4,zelador,1,
ltr
item
Atualidade Política: Bolsonaro já dá sinais de recuo na PEC dos Combustíveis
Bolsonaro já dá sinais de recuo na PEC dos Combustíveis
Atualidade Política
http://www.atualidadepolitica.com.br/2022/01/bolsonaro-ja-da-sinais-de-recuo-na-pec.html
http://www.atualidadepolitica.com.br/
http://www.atualidadepolitica.com.br/
http://www.atualidadepolitica.com.br/2022/01/bolsonaro-ja-da-sinais-de-recuo-na-pec.html
true
440335298870425399
UTF-8
Carregar todos Post não encontrado Ver todos Ler mais Responder Cancelar resposta Deletar Por Início PÁGS POSTS Ver tudo Relacionadas Tópico Arquivo BUSCAR Todos Nenhuma resposta para a busca Início Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Out Nov Dez agora 1 minuto há $$1$$ minutos 1 hora há $$1$$ horas Ontem há $$1$$ dias há $$1$$ semanas há mais de 5 semanas Seguidores Seguir CONTEÚDO EXLUSIVO - COMPARTILHE PARA ACESSAR 1º Compartilhe em suas redes sociais para liberar 2º Clique no link compartilhado em sua rede social Copiar tudo Selecionar tudo Todos códigos copiados Códigos/textos não copiados, pressione [CTRL]+[C] (ou CMD+C no Mac) para copiar Sumário