MTEC Energia

Opinião: A saúde mental e o sistema carcerário

Eduardo Brim Fialho, presidente do SEMPRE*   Sabe-se que neste século 21 aumentaram - e significativamente - os transtornos mentais na socie...


Eduardo Brim Fialho, presidente do SEMPRE*

 

Sabe-se que neste século 21 aumentaram - e significativamente - os transtornos mentais na sociedade. Depressão, transtorno bipolar, demência, esquizofrenia, ansiedade, esgotamento/burnout, este último consequência do trabalho e das quebras de expectativas em relação à vida e às demandas estabelecidas como padrões, em tese, alcançáveis.

Sabe-se ainda que, por conta de todos esses sintomas, a procura por psiquiatras, psicoterapeutas e médicos em geral quintuplicou, o que, sob uma ótica é positivo, pois revela que muitos buscam o equilíbrio, mas, por outro lado, é preocupante, pois não são somente dez ou cem pessoas. Milhares de nós mundo afora estão se deixando abater por um à primeira vista aceleramento irreversível nas relações sociais e profissionais. Como equalizar esse quadro?

Há uma série de respostas, naturalmente. E, acredite, há um vasto campo de possibilidades para a busca do equilíbrio emocional. Com ou sem remédios, com a medicina tradicional ou alternativa. O ponto de partida é o reconhecimento do sintoma, a busca por um diagnóstico e o enfrentamento da maneira mais serena e efetiva possível.

Veja que o quadro é mundial. O que se imagina até aqui é a pessoa em sua casa, indo ao médico, procurando por ajuda psicológica, indo à farmácia, ligando para amigas e amigos e sendo aconselhada e amparada. Mas, e pessoas privada de liberdade? Como lidar com isso?

Para começar, é fundamental que se esclareça que, em 2024, a quantidade de vagas no sistema prisional é menos que população carcerária. A pessoa, quando vai presa, em geral, não é ouvida e nem colocada sob cuidados especiais. Ao chegar em uma unidade prisional, passa por uma triagem, é indagada a respeito de alguns dados seus, e logo em seguida colocada no convívio com outros internos, em uma cela com mais pessoas, de todas as culturas, religiões, comportamentos, crimes e, a partir deste momento, sob regras, procedimentos e limites que lhe são impostos. Um novo mundo se abre a esta pessoa, que, a começar, perde a sua identidade e se torna um número. Como você se sentiria se, de um dia para o outro, sua identidade se esvaísse e no lugar aparecesse um número, integrante das estatísticas do encarceramento? Como o seu cérebro reagiria?

Há de se pontuar, antes de seguirmos com a resposta que, para que a pessoa esteja presa, algo falhou em sua vida. Não importa o delito que tenha cometido. Em momento algum se deseja o encarceramento. E o caminho até que se chegue a um sistema de prisão é complexo: ausência dos pais, falha do Estado, vulnerabilidades de todas as ordens, consequentemente, desequilíbrios emocionais, que se relacionam, portanto, com a saúde mental.

Pois bem, retira-se da pessoa, além da liberdade, sua identidade e no lugar chega o sistema, o Estado repressor punitivo, para que se cumpra a Lei e as regras. Mas há algo da ordem do que diz a cartilha dos Direitos Humanos e da Lei de Execução Penal, que em resumo é o direito à vida, não à tortura, seja ela psicológica ou física, o respeito à dignidade da pessoa humana, que sacramenta o que é o mínimo que os protagonistas judiciários e profissionais do sistema penal precisam fazer: o amparo psicológico às pessoas em privação de suas liberdades. No plural, pois são muitas as liberdades. Não apenas a física.

Nas unidades plenas, que são as geridas pelo próprio Estado, faz-se o que se pode, com a estrutura que se tem, tamanha é a população carcerária em todo o território nacional. E faltam estruturas físicas também, pois nem todas possuem salas para quaisquer atendimentos.

Nas unidades em cogestão, que são as unidades gerenciadas por uma empresa especializada, cuja direção é sempre do Estado, consegue-se minorar os danos emocionais, através de equipes capacitadas em todos os setores. Psicologia. Medicina. Pedagogia. Odontologia. Terapia Ocupacional. Assistência Social. Já na entrada da pessoa no sistema há uma mais atenta observação de todos os setores, sobretudo, na área da saúde emocional, pois se sabe, e não de agora, das consequências emocionais causadas à pessoa privada de liberdade. Da não aceitação, da culpa, da possibilidade de suicídio, da vergonha, em suma, nas unidades cogeridas, embora ainda com visíveis janelas para aprimoramentos, já existe esse cuidado com a saúde mental de cada pessoa que ali chega com vistas à restabelecer a saúde mental a partir dos acolhimentos. E não apenas pelos profissionais da saúde, mas por uma equipe multidisciplinar. A educação, as atividades laborais, as ações lúdicas, os diálogos, as escutas. As pessoas querem ser escutadas, olhadas, reconhecidas como são: humanas.

E é sob essa perspectiva e com essa ciência que o Sindicato vem estudando maneiras eficientes para que, através das suas empresas e de suas proximidades com pessoas privadas de liberdade, possa minimizar as dores, as inadequações e, juntos, equipe, gerências, Estado, direções, dar a cada uma delas uma esperança de um futuro melhor do que o passado e menos doloroso do que a situação presente, o cárcere.

 

 

* Sindicato Nacional das Empresas Especializadas na Prestação de Serviços em Presídios e em Unidades Socioeducativas

COMENTAR

TÉCNICO INDUSTRIAL$type=complex$count=8$l=0$cm=0$rm=0$d=0$host=https://www.etormann.tk

Nome

abnt,25,Ação social,32,acessibilidade,4,acidente de trabalho,5,Acolhimento,1,adasa,1,administração,19,Aerolula,1,agricultura,37,agro,207,agroindústria,11,agronegócio,37,água,47,águas claras,2,Aldo Rebelo,1,alianças,1,alimentação,30,Ambulatório,1,Amor Cantado,1,Anderson Miranda,1,aneel,5,animais,27,Aniversário,5,antissocial,4,anvisa,1,aposentdos,3,aposta,5,ar condicionado,15,Arlete Sampaio,1,arquitetura,18,Arruda,1,arte,27,artigo,39,Assistência social,7,ASSOCIE-SE,14,assosindicos,147,atacarejo,1,ateu,2,ativismo,9,ATUALIDADE POLÍTICA,626,automobilsmo,4,aviação,11,Banco Regional de Brasília,5,BCB,2,beleza,1,biocombustíveis,11,bioeconomia,1,biscoito,1,bolacha,1,Bolsa Família,1,Brasil,53,Brasília,49,BRB,37,brics,5,caesb,18,café,5,câmeras,3,CAMPANHA DO AGASALHO,1,campanha eleitoral,20,Canadá,1,câncer,13,candidatura,5,Carnaval,19,carne suína,1,carreira,19,carros elétricos,5,carteira,2,cartilha,2,Casa Civil,1,cassação,1,católica,1,CCBC,1,CEB,8,Ceilândia,2,CELEBRAÇÃO,1,celular,8,censura,2,Centro Administrativo,1,Cesta Básica,4,charge,2,chocolate,2,Churrasco,2,cidadania,111,Cidades,141,ciência,16,cinema,15,CLDF,77,clima,32,codhab,7,Código de Edificações,4,código de posturas,1,Collor,1,combate à dengue,44,combate ao câncer de próstata,5,combustíveis,15,comemoração,11,comércio,23,Companhia Energética de Brasília,6,Comper,5,comportamento,27,comunicação,6,comunidade,3,COMUNIDADE LUSITANA,1,comunismo,4,conciliacao,4,concurso,39,condomínio,72,condomínios,17,conic,1,conselho profissional,23,construção civil,39,construtoras,5,consulta pública,16,consumidor,29,consumo,11,conta,9,contabilidade,3,contribuição sindical,6,convênio,3,CONVITE,32,cop28,6,copa2014,1,CORPO DIPLOMÁTICO,1,corpus Christi,1,Correio Braziliense,1,corrida eleitoral,34,corrupção,42,CPI,1,crianças em casa,7,Criptoativos,1,crise,16,crise hídrica,16,Cuidar e Amparar,1,culinária,1,cultura,147,curso superior,3,cursos,31,data comemorativa,35,DATA NACIONAL,1,debate,3,Defesa,10,democracia,7,dengue,15,Deputado Distrital,15,Deputado Federal,16,DER-DF,6,Desenvolvimento Pessoal,3,desmatamento,4,despesas,1,Destaque,11,Destaques,6,Detran,42,DF,9,DFTrans,6,Dia do micro e pequeno empresário,1,dia do síndico,5,Dia do Trabalhador,2,Dia dos Namorados,7,dia mundial da água,10,DIA NACIONAL,1,Diálogos com a Juventude,1,dicas,2,Dilma,5,dinheiro,18,diploma,1,direita,2,direito,71,Direito do Consumidor,5,Direitos Humanos,26,Distrito Federal,194,ditadura militar,6,dívidas,21,documento,8,Dona Sarah Kubitschek,1,drogas,7,ecologia,8,economia,413,economistas,3,Edital,8,EDITAL DE CONVOCAÇÃO,2,Eduardo Campos,1,educação,288,eleições,174,Eleições 2022,144,eleitor,15,eletricidade,14,elevadores,9,EMBAIXADA DE PORTUGAL,1,Embaixadas,7,empreendedorismo,51,empreender,14,empregado,13,Emprego,1,empregos,78,empresas,117,energia,89,engenharia,120,EnSínAC,14,ENTENDER CONDOMÍNIO,2,entorno,46,entretenimento,32,Escola de Síndicos,33,escorpião,1,ESG,1,ESPECIAL,1,espionagem,2,esporte,80,Esportes,1,estatuto,2,estilo de vida,3,estradas,9,Estudar no Exterior,2,evasão de divisas,1,eventos,53,exercícios,3,exportação,26,FABIANA CEIHAN,1,falecimento,6,família,3,Famosos,1,Fan Fest,1,Faz Aniversário,1,Fé,2,fecomércio,3,feminismo,1,FENACOM,1,feriados,3,Fernando Henrique Cardoso,1,festas juninas,6,FHC,2,FIEG,28,FIFA,1,fim de ano,7,fim de semana,1,finanças,43,finanças pessoais,75,Fipecafi,1,fiscal,1,Foco Educação,1,FocoCAR,1,fogo,1,fort atacadista,3,frente parlamentar,1,futebol,19,Galeteria Beira Lago,1,gás,14,gastronomia,47,GDF,258,geologia,1,Geriatria,1,Gerontologia,1,gestão condominial,7,Gim,1,Goiás,361,golpe,23,golpismo,11,Governador,51,Governo,119,greve,8,Grupo M4,1,Grupo Pereira,3,guerra,17,habitação,72,HEF,2,HEL,1,HESLMB,1,Hetrin,1,HOLANDA,1,homenagem,10,homocentro,1,HSBC,1,humor,2,IBGE,6,IBRAM,3,Idoso,9,IFG,1,igreja,2,IMED,2,imóveis,103,impeachment,4,impostos,97,inadimplência,7,incc,1,incêndio,13,INCLUSÃO,1,indígena,1,indústria,72,inelegibilidade,3,inflação,201,Informação,33,informática,1,ingressos,1,inovação,63,INSCRIÇÃO AQUI,1,inspeção,1,inspeção predial,5,INSS,2,internacional,32,internet,84,inverno,1,iptu,1,ipva,7,itormann,1,Joaquim Barbosa,1,Jogos Eletrônicos,1,Jornalismo,85,Juarezão,1,justiça,196,juventude,4,Lançamento,1,lazer,47,Legislação,8,lei,19,LGPD,6,licitação,20,livro,22,loteria,2,Lúcia Amorim de Brito,1,Lula,19,machismo,1,manifestação,1,manutenção,11,Maranhão,1,Márcio Antonelo,1,Marconi Perillo,1,marketing,8,material de construção,1,MCB,101,MCIT,2,MCTI,2,medicamentos,6,medicina,19,MEI,2,meio-ambiente,79,melhor idade,1,mensalão do DEM,1,mercado,50,mercosul,2,mesa do Natal,1,meteorologia,2,microgeração,10,Microsoft,1,mídia,12,militar,8,Minas Gerais,3,mineração,11,ministério,6,Ministério Publico,5,Miriam Belchior,1,Mobilidade,13,mobilidade urbana,28,moda,6,Monitoramento,2,mst,3,Mulheres,89,Mulheres na Política,10,multa,7,mundo,135,Mundo dos Filtros,1,município,12,Natal,12,Natal do Milhão,1,Negócios,17,Neoenergia,8,neurociência,2,neuromarketing,2,NEWS,1,Nobratta,1,normas,14,NOTICIAS,1057,NOTÍCIAS,43,notificação,1,novacap,3,Novembro Azul,1,nutrição,2,obras,118,ocupe o centro,1,opinião,175,Oportunidade,3,orçamento,12,ORDEM DE SERVIÇO,1,Pacto por Brasília,1,PAÍSES BAIXOS,1,pandemia,78,Parceiro do Ano,1,Parque da Cidade,5,Partidos Políticos,53,Paulo Dubois,2,Paulo Octávio,1,Paulo Roque,4,PCdoB,2,PDSK,5,Perpétua Almeida,1,Perse,1,perseguidos políticos,1,pesca,12,pesquisa,25,petrobras,13,petróleo,17,PL,26,playground,2,pmdb,1,podcast,1,polícia,93,Política,320,população,2,Porto Alegre,3,postos de saúde,17,prefeito,5,prefeitura,9,Premiação,25,presidência da república,10,presidenta,1,presidente,21,previdência,7,privatização,3,Procon,2,profissional,31,profissões,9,Projeto de Lei,79,pronunciamento,2,propaganda política,5,propina,1,Prosperi,1,PSD,1,PSDB,6,psicologia,4,pt,2,qualificação,33,rádio,2,recicláveis,2,reforma,7,reforma agrária,4,reforma política,10,reforma tributária,39,reformas,9,registro,4,regras de convivência,15,REI WILLEM-ALEXANDER,1,RELAÇÃO BILATERAL,1,relacionamento,5,religião,18,revitalização,1,Ricardo Izar,1,Ricardo Lustosa,1,rio,25,Rio de Janeiro,1,Roberto Santiago,1,rock,3,rodovias,2,Rondônia,1,Roosevelt,1,Rousseff,2,Sandra Faraj,1,saneamento,7,São Paulo,17,Sarah Kubitscheck,1,saúde,567,sedhab,2,segeth,1,segurança,119,seguro,10,selo de qualidade,2,senado federal,23,Serviço,1,serviço social,7,serviços técnicos,10,servidor público,4,sesc,3,setor elétrico,27,setor energético,30,setor produtivo,40,sia / guará,14,sindicatos,22,síndico,125,síndicos,9,SLU,9,smartphone,3,socialismo,1,Socialite em Foco,1,Sociedade,2,solar,8,Solidariedade,30,sonegação,15,sorteio de casas,1,STF,34,subsíndico,1,Supermercados,3,Supremo,2,sustentabilidade,76,tarifas,29,taxa,8,TBR,1,Teams Ideas,1,técnico,17,técnicos industriais,8,tecnologia,155,telecomunicação,20,tempo,12,tendência política,79,Terceira Idade,1,trabalhador,83,Trabalho,33,transito,5,trânsito,38,transporte,8,transporte coletivo,53,transportes,32,Trocando ideias entre Síndicos,2,TSE,59,turismo,73,TV,11,UDN,1,Universidades,2,utilidade pública,6,Utilidades de casa,2,vacina,44,Vai dar Roque,1,Valparaíso de Goiás,13,Vida de Solteiro,1,Vida longa,1,video,14,vinho,2,vistoria,1,Viver no Exterior,1,votação,3,WhatsApp,4,zelador,1,
ltr
item
Atualidade Política: Opinião: A saúde mental e o sistema carcerário
Opinião: A saúde mental e o sistema carcerário
https://blogger.googleusercontent.com/img/b/R29vZ2xl/AVvXsEjRXbZfZ0tZmnd9oWIftNkln8OnazhGVslS45JWLwSkbvymGXStLWezwoqtMr42RSnkB9i3UW0HT4u1lB3ukvNd9cSO_F_wCmqQWi3w19-ONVxWG2wLiRqCv_mST8myy7PFONbQSS9_TAe-pS6hfKlz_VuFwROq_ZCVIOJWQvKqgTl-JrOFJAt9q5N5RH8/s320/EDUARDO%20FIALHO%20FOTO_03.png
https://blogger.googleusercontent.com/img/b/R29vZ2xl/AVvXsEjRXbZfZ0tZmnd9oWIftNkln8OnazhGVslS45JWLwSkbvymGXStLWezwoqtMr42RSnkB9i3UW0HT4u1lB3ukvNd9cSO_F_wCmqQWi3w19-ONVxWG2wLiRqCv_mST8myy7PFONbQSS9_TAe-pS6hfKlz_VuFwROq_ZCVIOJWQvKqgTl-JrOFJAt9q5N5RH8/s72-c/EDUARDO%20FIALHO%20FOTO_03.png
Atualidade Política
https://www.atualidadepolitica.com.br/2024/06/opiniao-saude-mental-e-o-sistema.html
https://www.atualidadepolitica.com.br/
https://www.atualidadepolitica.com.br/
https://www.atualidadepolitica.com.br/2024/06/opiniao-saude-mental-e-o-sistema.html
true
440335298870425399
UTF-8
Carregar todos Post não encontrado Ver todos Ler mais Responder Cancelar resposta Deletar Por Início Pág. POSTS Ver tudo Relacionadas Tópico Arquivo BUSCAR Todos Nenhuma resposta para a busca Início Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Out Nov Dez agora há 1 minuto há $$1$$ minutos há 1 hora há $$1$$ horas Ontem há $$1$$ dias há $$1$$ semanas há mais de 5 semanas Seguidores Seguir CONTEÚDO EXLUSIVO - COMPARTILHE PARA ACESSAR 1º Compartilhe em suas redes sociais para liberar 2º Clique no link compartilhado em sua rede social Copiar tudo Selecionar tudo Todos códigos copiados Códigos/textos não copiados, pressione [CTRL]+[C] (ou CMD+C no Mac) para copiar Sumário