SINPROFAZ denuncia: instituições financeiras devem bilhões à União

Partilhar:
Danntec Engenharia
Não há como pacificar o país com uma agenda política e legislativa que só beneficia o "rentismo" em detrimento dos trabalhadores e dos produtores. Com total prejuízo da economia real.

O governo insiste em reformas deletérias que retiram direitos, trabalhistas e previdenciários, mas não toma nenhuma iniciativa para receber a dívida, ou impedir a sonegação de tributos, dos bancos e outros sonegadores.

Assista ao vídeo com o Procurador da Fazenda Nacional Achilles Frias, presidente do SINPROFAZ, no qual denuncia instituições financeiras do país que têm débitos de mais de R$ 124 bilhões junto à União – sendo aproximadamente R$ 7 bilhões referentes à dívida tributária previdenciária, R$ 117 bilhões relativos à dívida tributária não-previdenciária e R$ 107,5 milhões referentes à dívida de FGTS. Veja lista completa dos devedores em https://goo.gl/pX1QTx

Partilhar:

dívidas

economia

tendência política

trabalhador

0 comentários: