GovBR

Opinião - G20 e COP26: oportunidade desperdiçadas

João Alfredo Lopes Nyegray e Danielle Denes dos Santos* Depois de 13 anos da primeira reunião, as 19 maiores economias do planeta – o G20 – ...

João Alfredo Lopes Nyegray e Danielle Denes dos Santos*

Depois de 13 anos da primeira reunião, as 19 maiores economias do planeta – o G20 – reuniram-se em Roma no último final de semana de outubro para debater o futuro do planeta. Essas nações representam cerca de 90% do PIB mundial, mais de 80% do comércio e investimentos internacionais e 66% de toda população do mundo. Trata-se não apenas de um grupo com poder suficiente para tomar as decisões globais mais relevantes, mas também uma grande oportunidade para os líderes que participam dos debates sobre as mudanças climáticas e as metas de comprometimento de cada nação sobre o tema.  

Correspondentes locais afirmavam que, enquanto Merkel, Macron e Guterrez conversavam amigavelmente em um dos ambientes da conferência, e os primeiros-ministros da Austrália, do Canadá, da Índia e do Reino Unido pareciam negociar acordos para problemas conjuntos; nesse cenário, o Brasil estava – infelizmente – isolado: não participou de nenhuma reunião bilateral com os demais líderes, e sequer compareceu à Fontana di Trevi para a foto oficial da reunião. 

Anteriormente muito requisitado nas importantes negociações internacionais, o que se viu foi um Brasil despercebido e ignorado. Uma política externa mais ativa para as questões comerciais é exatamente o que precisávamos nesse momento. A abertura de novos mercados para os produtos brasileiros pode – num momento de real desvalorizado – estimular as exportações e movimentar nossa economia combalida pelo desemprego e pelas pressões inflacionárias. 

Outro ponto de destaque dos últimos dias é a reunião da COP26 (Conferência das Partes), a Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas de 2021, sendo realizada na Escócia. Eis aqui outro ponto de pressão sobre o Brasil, o governo e a imagem de nosso país. As atuais políticas ambientais brasileiras, muito criticadas nacional e internacionalmente, seriam certamente algo a se esclarecer e se debater em Glasgow. Essa é, provavelmente, uma das razões pelas quais o presidente brasileiro não esteve presente na abertura do evento. 

Os discursos ali foram bastante ambiciosos, e o comprometimento das nações com as metas de redução de emissões de gases do efeito estufa (GEE) e seu clima de urgência refletem o ponto de não retorno ao qual estamos chegando: aquele em que nenhum esforço será suficiente para retornar ao status anterior de recursos naturais e ambiente equilibrado. 

Nos principais tópicos em discussão na COP26, o Brasil deixa a desejar: o país não apenas não cumpriu com o que se comprometeu a fazer para frear as mudanças climáticas, como seguiu na contramão e elevou as emissões de GEE durante a pandemia. Sobe a emissão, desce a reputação – além de não cumprir com o prometido no Acordo de Paris, a métrica foi alterada pelo governo, o que significa que o país passa a calcular de forma diferente as emissões, gerando desconfiança e falta de transparência nos dados publicados. 

Mais do que tomar medidas concretas pela preservação conjunta do meio ambiente, sabe-se que a inação climática é pior do que metas pouco ousadas. Enquanto a consciência a respeito dos fatores ambientais cresce em todo o mundo, fronteiras se fecham para produtos que vêm de países não comprometidos com a pauta ambiental. O acordo comercial Mercosul-União Europeia está travado, dentre outras razões, pelas políticas brasileiras de preservação do meio ambiente.

Desde a conferência de Estocolmo em 1972 e, principalmente, a conferência do Rio de Janeiro em 1992, o Brasil sempre foi protagonista nas discussões sobre sustentabilidade. O que estamos perdendo no momento não é apenas esse protagonismo, mas o prestígio construído em décadas de esforços por um mundo limpo e uma economia mais sustentável.

A COP26 acontece anualmente com o objetivo de avaliar o andamento de cada país com relação aos seus compromissos para o combate ao aquecimento global e as mudanças climáticas. O futuro do planeta, assim como das relações comerciais e até mesmo da sua vida cotidiana, é discutido na conferência, tendo em vista que, cada vez mais, os acordos comerciais estão pautados nas políticas ambientais e climáticas das nações. Inspirar confiança no cenário internacional requer maturidade, transparência e políticas claras de combate às mudanças climáticas, apoio às comunidades mais afetadas e o estabelecimento de uma agenda equitativa. Não há mais o que esperar: o momento de mudar é agora.

*João Alfredo Lopes Nyegray, doutorando em estratégia, coordenador do curso de Comércio Exterior e professor de Geopolítica e Negócios Internacionais na Universidade Positivo.

*Danielle Denes dos Santos é doutora em administração e pós-doutora em políticas para inovação e coordenadora adjunta do Programa de Pós-Graduação em Administração da Universidade Positivo.

COMENTÁRIOS

Atualidade Politica
Nome

abnt,27,acessibilidade,1,acidente de trabalho,3,Acolhimento,1,administração,11,Aerolula,1,agricultura,1,agronegócio,10,água,14,águas claras,1,Aldo Rebelo,1,alianças,1,Ambulatório,1,Amor Cantado,2,aneel,5,animais,6,antissocial,3,ar condicionado,17,Arlete Sampaio,1,arquitetura,7,Arruda,1,arte,2,artigo,41,ASSOCIE-SE,14,assosindicos,151,atacarejo,1,ateu,2,ativismo,8,ATUALIDADE POLÍTICA,785,automobilsmo,2,Banco Regional de Brasília,2,Bolsa Família,1,Brasil,13,brasilia,1,Brasília,6,BRB,3,caesb,7,câmeras,1,CAMPANHA DO AGASALHO,1,campanha eleitoral,15,câncer,3,candidatura,4,Carnaval,6,carreira,8,carteira,2,cartilha,2,Casa Civil,1,cassação,1,católica,1,CEB,5,celular,1,censura,2,Centro Administrativo,1,charge,2,CIA,1,cidadania,40,CIDADE,56,Cidades,8,ciência,1,cinema,7,CLDF,27,codhab,2,Código de Edificações,4,código de posturas,1,Collor,1,combate à dengue,1,combate ao câncer de próstata,1,comemoração,4,Companhia Energética de Brasília,6,comportamento,13,comunismo,2,conciliacao,4,condomínio,60,conic,1,conselho profissional,7,construção civil,14,construtoras,2,consulta pública,7,consumidor,14,consumo,5,conta,5,contribuição sindical,4,contrução civil,3,convênio,1,CONVITE,34,copa2014,1,corpus Christi,1,Correio Braziliense,1,corrida eleitoral,26,corrupção,34,crise,14,crise hídrica,6,Cuidar e Amparar,1,cultura,22,curso superior,3,cursos,11,custo de construção,1,custos,1,data comemorativa,10,debate,3,Defesa,3,democracia,1,dengue,1,Deputado Distrital,7,Deputado Federal,1,Desenvolvimento Pessoal,1,despesas,1,Detran,11,DFTrans,5,dia do síndico,5,dia mundial da água,2,Dia Nacional de Prevenção e Combate à Surdez,1,Diálogos com a Juventude,1,DIGA NÃO AO AUMENTO DE IMPOSTOS,30,Dilma,3,dinheiro,7,diploma,1,direita,2,direito,19,Distrito Federal,27,ditadura militar,4,dívidas,6,Dona Sarah Kubitschek,1,economia,86,economistas,1,EDITAL DE CONVOCAÇÃO,1,Eduardo Campos,1,educação,47,eleições,77,eleitor,8,eletricidade,9,elevadores,3,empreendedorismo,19,empregado,10,emprego,4,empresas,7,energia,38,engenharia,64,EnSínAC,16,ENTENDER CONDOMÍNIO,2,entorno,6,entretenimento,8,Escola de Síndicos,35,espionagem,1,esporte,16,estatuto,2,evasão de divisas,1,evento,28,Fan Fest,1,feminismo,1,Fernando Henrique Cardoso,2,FHC,2,FIFA,1,fim de ano,2,finanças,8,finanças pessoais,12,fogo,1,fort atacadista,2,Frances Stonor Saunders,1,futebol,5,gastronomia,8,GDF,110,Geriatria,1,Gerontologia,1,gestão condominial,3,Goiás,30,golpe,11,golpismo,6,Governador,27,Governo,52,guerra fria,1,habitação,7,HEF,2,HEL,1,HESLMB,1,Hetrin,1,HSBC,1,humor,2,igreja,2,IMED,3,imóveis,10,impeachment,3,impostos,21,inadimplência,4,incêndio,5,inelegibilidade,3,INFORMAÇÃO,17,informática,1,ingressos,1,inovação,20,INSCRIÇÃO AQUI,1,inspeção,1,inspeção predial,5,internet,20,itormann,1,Joaquim Barbosa,1,Jornalismo,41,Juarezão,1,justica,7,justiça,44,juventude,3,lazer,9,Letícia González,1,livro,2,Lúcia Amorim de Brito,1,Lula,3,machismo,1,Manuela D'Ávila,1,manutenção,9,Marconi Perillo,1,MCB,105,MCIT,2,medicina,3,meio-ambiente,3,mensalão do DEM,1,mercado,2,mesa do Natal,1,microgeração,4,mídia,8,militar,4,ministério,5,Ministério Publico,4,Miriam Belchior,1,mobilidade urbana,20,Monitoramento,1,mulher na poílica,3,Mulheres,8,Mulheres na Política,1,multa,3,mundo,6,Natal,2,Natal do Milhão,1,Negocios,1,neurociência,2,neuromarketing,2,normas,9,NOTICIAS,341,notificação,1,Novembro Azul,1,obras,36,ocupe o centro,1,orçamento,1,ORDEM DE SERVIÇO,1,Pacto por Brasília,1,pandemia,73,Parque da Cidade,3,Partidos Políticos,36,Paulo Dubois,2,Paulo Octávio,1,PCdoB,2,PDSK,2,Perpétua Almeida,1,perseguidos políticos,1,pesquisa,7,PL,16,playground,2,pmdb,1,polícia,3,Política,6,Porto Alegre,2,postos de saúde,12,prefeito,4,prefeitura,2,presidência da república,7,presidenta,1,presidente,15,profissional,11,Projeto de Lei,50,pronunciamento,2,propaganda política,4,propina,1,PSD,1,PSDB,6,pt,1,qualificação,23,reforma,6,reforma política,10,reformas,6,registro,3,regras de convivência,12,relacionamento,4,religião,4,revitalização,1,Ricardo Izar,1,Ricardo Lustosa,1,Roberto Santiago,1,rodovias,1,Rousseff,2,Sandra Faraj,1,Sarah Kubitscheck,1,saúde,133,sedhab,2,segeth,1,segurança,37,seguro,2,selo de qualidade,2,senado federal,17,serviços técnicos,5,setor elétrico,2,sia / guará,16,síndico,115,smartphone,3,solar,2,SOLIDARIEDADE,7,sonegação,2,sorteio de casas,1,STF,9,subsíndico,1,Supermercados,1,Supremo,2,sustentabilidade,17,tarifas,9,taxa,6,técnico,8,tecnologia,51,telecomunicação,3,tendência política,70,Terceira Idade,1,trabalhador,26,transito,1,trânsito,13,transporte coletivo,19,transportes,7,Trocando ideias entre Síndicos,2,TSE,27,turismo,8,UDN,1,utilidade pública,3,Utilidades de casa,1,Vida de Solteiro,1,video,11,vistoria,1,votação,3,WhatsApp,3,zelador,1,
ltr
item
Atualidade Política: Opinião - G20 e COP26: oportunidade desperdiçadas
Opinião - G20 e COP26: oportunidade desperdiçadas
https://blogger.googleusercontent.com/img/a/AVvXsEiFtTskFMoynkQOCNAy9RCVJ2ZFz2r0kCJlVOzCh_CyQPgQTN5WWQXcfTuedVKSDhi1dxrf6EWcjqA7whWakBE-Km5D6nSUDOPRu318LK8Jq2o3nBnBwzupo0PqvoVUHBMqwOOX2SHql1bT961quaOIx3evExOl0_PwHdFUtCNS0bJGQ2sUGmklnZnq=s16000
https://blogger.googleusercontent.com/img/a/AVvXsEiFtTskFMoynkQOCNAy9RCVJ2ZFz2r0kCJlVOzCh_CyQPgQTN5WWQXcfTuedVKSDhi1dxrf6EWcjqA7whWakBE-Km5D6nSUDOPRu318LK8Jq2o3nBnBwzupo0PqvoVUHBMqwOOX2SHql1bT961quaOIx3evExOl0_PwHdFUtCNS0bJGQ2sUGmklnZnq=s72-c
Atualidade Política
http://www.atualidadepolitica.com.br/2021/11/opiniao-g20-e-cop26-oportunidade.html
http://www.atualidadepolitica.com.br/
http://www.atualidadepolitica.com.br/
http://www.atualidadepolitica.com.br/2021/11/opiniao-g20-e-cop26-oportunidade.html
true
440335298870425399
UTF-8
Carregar todos Post não encontrado Ver Todos Ler Mais Responder Cancelar resposta Deletar Por Início PÁGS POSTS Ver TUDO RELACIONADAS TÓPICO ARQUIVO BUSCAR TODOS A busca não retornou respostas Início Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Out Nov Dez agora 1 minuto há $$1$$ minutos 1 hora há $$1$$ horas Ontem há $$1$$ dias há $$1$$ semanas há mais de 5 semanas Seguidores Seguir CONTEÚDO EXLUSIVO - COMPARTILHE PARA ACESSAR 1º Compartilhe em suas redes sociais para liberar 2º Clique no link compartilhado em sua rede social Copiar TUDO Selecionar TUDO Todos os códigos foram copiados Códigos/textos não copiados, pressione [CTRL]+[C] (ou CMD+C no Mac) para copiar Tabela de Conteúdo