Boletim Corona Virus GovBR

Tacla Duran apresentará, em CPMI, áudio sobre o juiz Moro

À CPMI, Tacla Durán falará, pela primeira vez, oficialmente, às autoridades brasileiras. Investigado na Operação Lava Jato, o advogado de 44...

À CPMI, Tacla Durán falará, pela primeira vez, oficialmente, às autoridades brasileiras. Investigado na Operação Lava Jato, o advogado de 44 anos era um dos executivos da Construtora Norberto Odebrecht, entre 2011 e 2016.

No depoimento do advogado Rodrigo Tacla Durán aos parlamentares da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI), em curso no Congresso, o áudio com tratativas de uma proposta para o suposto suborno do juiz Sérgio Moro, titular da Operação Lava Jato, na Primeira Instância, tende a movimentar o cenário político na Capital Federal.

O juiz federal Sérgio Moro é alvo de denúncias do advogado Tacla Durán, na CPMI da JBS

À CPMI, Tacla Durán falará, pela primeira vez, oficialmente, às autoridades brasileiras. Investigado na Operação Lava Jato, o advogado de 44 anos era um dos executivos da Construtora Norberto Odebrecht, entre 2011 e 2016. Ele foi acusado pelo Ministério Público Federal (MPF) de participar de esquemas de lavagem de dinheiro. Teria, ainda, feito pagamento de propina a outros acusados. Durán foi preso em novembro de 2016, na 36ª fase da Lava Jato, por determinação do juiz Moro.
Moro e associados

O advogado, no entanto, tem cidadania espanhola e já estava na Europa quando foi capturado pela Interpol. A Justiça espanhola, no entanto, o liberou da prisão em janeiro deste ano. Em julho, conseguiu ainda impedir sua extradição. Desde então, tem sido tratado por Moro e a força-tarefa como “foragido”. A história, porém, é mais complicada.

Após recusar-se a confessar “crimes que não cometeu”, segundo afirma em um livro que está no prelo, intitulado ‘Testemunho – O que sei sobre Odebrecht e a Operação Lava Jato’, Durán passou a denunciar supostos métodos da força-tarefa; levantou suspeitas sobre Moro e fez denúncias de uma “indústria da delação” em Curitiba.

Existe, segundo denuncia, “uma panelinha” de advogados em Curitiba para conseguir facilidades junto ao MP; na hora de negociar as delações premiadas. O escolhido para negociar em seu nome, relata, foi o advogado Carlos Zucolotto Jr. Trata-se do padrinho de casamento de Moro e sócio de uma banca que já teve a mulher do juiz, Rosângela, entre os associados.
Zucolotto

Zucolotto teria sido correspondente do escritório de Durán, em Curitiba. Sua participação no negócio seria baixar de R$ 15 milhões para R$ 5 milhões a multa que a força-tarefa havia imputado a Durán, em uma delação. A redução teria sido costurada na base da propina, no valor de R$ 5 milhões. Durán afirma ter duas provas dos contatos e dos resultados da ação de Zucolotto, que nega tudo.

Uma das provas é uma conversa tida por eles pelo celular através do aplicativo Wicker, que destrói as mensagens assim que estas são lidas. Ele fotografou a conversa e a submeteu a uma perícia. A prova documental será apresentada nesta quinta-feira, no plenário da CPMI.

A outra prova da intermediação de Zucolotto seria um e-mail. A mensagem foi encaminhada à defesa de Durán por três procuradores da força-tarefa: Carlos Fernando do Santos Lima, Roberson Pozzobon e Julio Noronha; com uma minuta de acordo de delação. Na minuta, segundo Durán, haveria uma pista sobre os R$ 5 milhões; que seriam usados para “azeitar o acordo”, disse, em conversa com parlamentares brasileiros que o visitaram em Madri. A multa de R$ 15 milhões seria paga em dinheiro; transferido para uma conta sabidamente sem fundos. Nesse caso, a multa ficaria automaticamente reduzida a R$ 5 milhões.
Dinheiro sujo

Em nota, distribuída em Agosto último, o juiz Moro sai em defesa do MPF. “Nenhum dos membros do Ministério Público Federal; da força-tarefa em Curitiba confirmou qualquer contato do referido advogado sobre o referido assunto ou sobre qualquer outro, porque de fato não ocorreu qualquer contato”, afirmou o magistrado.

Segundo Durán, a delação da Odebrecht seria, na verdade, uma fraude. Uma história construída com a cumplicidade da força-tarefa de Curitiba. A empreiteira, de acordo com o advogado, revelou somente sobre uma das contas utilizadas para pagar “por fora” o casal de marqueteiros João Santana e Monica Moura; a Shellbill. A dupla receberia dinheiro por outras três contas também, a Deltora Entreprise Group, a Zeal e a Nicolas Sawne Barake.

Outra informação incompleta, na versão do advogado, é que a Odebrecht falou apenas do sistema Drousys, projetado para contabilizar o dinheiro sujo. Mas teria escondido aquele que seria o sistema completo da propinagem, o My Web Day. Este último conteria informações sobre o suborno a juízes e desembargadores.
My web day

A defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva vem tentando, sem sucesso, obter acesso a todos os sistemas de propinagem. No processo sobre o sítio de Atibaia há acusações da Odebrecht, sem provas anexadas. No início do mês, pediu a Moro para que Durán fosse ouvido, mas o juiz negou.

— Nós, da defesa do presidente Lula, queremos abrir o My Web Day. Temos certeza de que o nome dele não está lá — afirma o deputado Paulo Pimenta (PT-RS), membro da CPI da JBS.

No fim de outubro, Pimenta e o deputado Wadih Damous (PT-RJ) encontraram-se com Durán, na Espanha, para negociar o depoimento do advogado por videoconferência, nesta quinta-feira. Os petistas gravaram conversa de 1 hora e 10 minutos com o advogado e, na volta ao Brasil, protocolaram o conteúdo nos arquivos da CmPI. Foi com base nesta gravação que a Comissão marcou o depoimento.

Fonte: http://blogoosfero.cc/correiodobrasil/cdb/tacla-duran-apresentara-em-cpmi-audio-sobre-o-juiz-moro

COMENTÁRIOS

Atualidade Politica
Nome

abnt,25,acessibilidade,1,acidente de trabalho,3,Acolhimento,1,administração,12,Aerolula,1,agricultura,3,agronegócio,14,água,16,águas claras,1,Aldo Rebelo,1,alianças,1,Ambulatório,1,Amor Cantado,1,aneel,5,animais,7,antissocial,3,ar condicionado,15,Arlete Sampaio,1,arquitetura,9,Arruda,1,arte,3,artigo,40,ASSOCIE-SE,14,assosindicos,148,atacarejo,1,ateu,2,ativismo,9,ATUALIDADE POLÍTICA,733,automobilsmo,2,aviação,1,Banco Regional de Brasília,4,beleza,1,Bolsa Família,1,Brasil,17,brasilia,1,Brasília,6,BRB,11,caesb,8,câmeras,2,CAMPANHA DO AGASALHO,1,campanha eleitoral,15,câncer,5,candidatura,4,Carnaval,6,carreira,11,carteira,2,cartilha,2,Casa Civil,1,cassação,1,católica,1,CEB,6,celular,1,censura,2,Centro Administrativo,1,charge,2,cidadania,58,CIDADE,59,Cidades,9,ciência,1,cinema,8,CLDF,34,codhab,2,Código de Edificações,4,código de posturas,1,Collor,1,combate à dengue,2,combate ao câncer de próstata,1,comemoração,4,Companhia Energética de Brasília,6,comportamento,13,comunidade,1,comunismo,3,conciliacao,4,concurso,1,condomínio,64,conic,1,conselho profissional,8,construção civil,17,construtoras,3,consulta pública,7,consumidor,16,consumo,6,conta,5,contribuição sindical,4,contrução civil,3,convênio,2,CONVITE,34,copa2014,1,corpus Christi,1,Correio Braziliense,1,corrida eleitoral,33,corrupção,36,crise,14,crise hídrica,6,Cuidar e Amparar,1,cultura,26,curso superior,3,cursos,15,custo de construção,1,custos,1,data comemorativa,13,debate,3,Defesa,5,democracia,1,dengue,2,Deputado Distrital,9,Deputado Federal,7,DER-DF,3,Desenvolvimento Pessoal,1,despesas,1,Detran,19,DFTrans,5,dia do síndico,5,dia mundial da água,2,Diálogos com a Juventude,1,DIGA NÃO AO AUMENTO DE IMPOSTOS,30,Dilma,3,dinheiro,10,diploma,1,direita,2,direito,30,Distrito Federal,29,ditadura militar,4,dívidas,9,Dona Sarah Kubitschek,1,drogas,2,economia,107,economistas,1,EDITAL DE CONVOCAÇÃO,1,Eduardo Campos,1,educação,63,eleições,111,eleitor,10,eletricidade,10,elevadores,4,empreendedorismo,28,empregado,10,emprego,6,empresas,16,energia,50,engenharia,72,EnSínAC,14,ENTENDER CONDOMÍNIO,2,entorno,7,entretenimento,9,Escola de Síndicos,33,espionagem,1,esporte,22,estatuto,2,evasão de divisas,1,evento,34,Fan Fest,1,feminismo,1,Fernando Henrique Cardoso,1,FHC,2,FIFA,1,fim de ano,2,finanças,10,finanças pessoais,22,fogo,1,fort atacadista,2,futebol,7,gás,2,gastronomia,14,GDF,127,Geriatria,1,Gerontologia,1,gestão condominial,5,Goiás,46,golpe,11,golpismo,6,Governador,30,Governo,65,guerra,7,habitação,10,HEF,2,HEL,1,HESLMB,1,Hetrin,1,HSBC,1,humor,2,IBRAM,2,IESB,1,igreja,2,IMED,2,imóveis,28,impeachment,3,impostos,34,inadimplência,4,incêndio,5,indústria,3,inelegibilidade,3,INFORMAÇÃO,21,informática,1,ingressos,1,inovação,23,INSCRIÇÃO AQUI,1,inspeção,1,inspeção predial,5,internacional,1,internet,30,itormann,1,Joaquim Barbosa,1,Jornalismo,45,Juarezão,1,justica,7,justiça,56,juventude,4,lazer,10,Letícia González,1,LGPD,4,livro,3,Lúcia Amorim de Brito,1,Lula,3,machismo,1,Manuela D'Ávila,1,manutenção,9,Marconi Perillo,1,marketing,2,MCB,105,MCIT,2,medicina,3,meio-ambiente,7,mensalão do DEM,1,mercado,13,mesa do Natal,1,meteorologia,1,microgeração,4,mídia,9,militar,4,ministério,5,Ministério Publico,4,Miriam Belchior,1,mobilidade urbana,21,moda,1,Monitoramento,1,mulher na poílica,3,Mulheres,21,Mulheres na Política,3,multa,4,mundo,21,município,7,Natal,2,Natal do Milhão,1,Negocios,1,Neoenergia,3,neurociência,2,neuromarketing,2,normas,9,NOTICIAS,338,notificação,1,Novembro Azul,1,nutrição,1,obras,50,ocupe o centro,1,opinião,1,orçamento,1,ORDEM DE SERVIÇO,1,Pacto por Brasília,1,pandemia,78,Parque da Cidade,3,Partidos Políticos,40,Paulo Dubois,2,Paulo Octávio,1,PCdoB,2,PDSK,3,Perpétua Almeida,1,perseguidos políticos,1,pesquisa,8,petróleo,3,PL,19,playground,2,pmdb,1,polícia,7,Política,135,Porto Alegre,2,postos de saúde,12,prefeito,5,prefeitura,7,presidência da república,7,presidenta,1,presidente,18,profissional,14,Projeto de Lei,53,pronunciamento,2,propaganda política,4,propina,1,PSD,1,PSDB,6,pt,1,qualificação,22,reforma,6,reforma política,10,reformas,6,registro,3,regras de convivência,13,relacionamento,4,religião,7,revitalização,1,Ricardo Izar,1,Ricardo Lustosa,1,Roberto Santiago,1,rodovias,1,Rousseff,2,Sandra Faraj,1,Sarah Kubitscheck,1,saúde,193,sedhab,2,segeth,1,segurança,52,seguro,5,selo de qualidade,2,senado federal,17,serviços técnicos,5,setor elétrico,2,sia / guará,14,sindicatos,2,síndico,119,smartphone,3,solar,2,SOLIDARIEDADE,8,sonegação,2,sorteio de casas,1,STF,9,subsíndico,1,Supermercados,1,Supremo,2,sustentabilidade,23,tarifas,13,taxa,6,técnico,8,tecnologia,57,telecomunicação,4,tendência política,76,Terceira Idade,1,trabalhador,38,transito,1,trânsito,19,transporte coletivo,20,transportes,9,Trocando ideias entre Síndicos,2,TSE,30,turismo,10,UDN,1,utilidade pública,6,Utilidades de casa,1,Vida de Solteiro,1,video,11,vistoria,1,votação,3,WhatsApp,4,zelador,1,
ltr
item
Atualidade Política: Tacla Duran apresentará, em CPMI, áudio sobre o juiz Moro
Tacla Duran apresentará, em CPMI, áudio sobre o juiz Moro
https://1.bp.blogspot.com/-N2tTx19X-8s/WiAGBfVnO_I/AAAAAAAAiWQ/4PcFFW9DoT0CYEpxSM0C8t2A1pmCOocywCLcBGAs/s1600/Juiz-Sergio-Moro-CPMI-JBS.jpg
https://1.bp.blogspot.com/-N2tTx19X-8s/WiAGBfVnO_I/AAAAAAAAiWQ/4PcFFW9DoT0CYEpxSM0C8t2A1pmCOocywCLcBGAs/s72-c/Juiz-Sergio-Moro-CPMI-JBS.jpg
Atualidade Política
http://www.atualidadepolitica.com.br/2017/11/tacla-duran-apresentara-em-cpmi-audio-sobre-moro.html
http://www.atualidadepolitica.com.br/
http://www.atualidadepolitica.com.br/
http://www.atualidadepolitica.com.br/2017/11/tacla-duran-apresentara-em-cpmi-audio-sobre-moro.html
true
440335298870425399
UTF-8
Carregar todos Post não encontrado Ver todos Ler mais Responder Cancelar resposta Deletar Por Início PÁGS POSTS Ver tudo Relacionadas Tópico Arquivo BUSCAR Todos Nenhuma resposta para a busca Início Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Out Nov Dez agora 1 minuto há $$1$$ minutos 1 hora há $$1$$ horas Ontem há $$1$$ dias há $$1$$ semanas há mais de 5 semanas Seguidores Seguir CONTEÚDO EXLUSIVO - COMPARTILHE PARA ACESSAR 1º Compartilhe em suas redes sociais para liberar 2º Clique no link compartilhado em sua rede social Copiar tudo Selecionar tudo Todos códigos copiados Códigos/textos não copiados, pressione [CTRL]+[C] (ou CMD+C no Mac) para copiar Sumário